Gateway industrial ACL para Modbus TCP

Aristóteles R and Leão TF

A maioria dos processos industriais possui computadores responsáveis por gerenciar as etapas da produção, são as workstations. Elas monitoram e controlam equipamentos (Inversores de frequência, parafusadeira e outros) através do envio de comandos via rede. Esse artigo expõe um sistema de comunicação entre um manipulador robótico e uma workstation, ambos detentores dos protocolos Modbus TCP e Advanced Control Language (ACL), respectivamente. Os dispositivos mencionados não se comunicam de forma direta, pois os protocolos de comunicação são diferentes. Sendo assim, não é possível realizar essa integração entre os equipamentos, ocasionando a falta de operação de um setor da planta industrial. Existem diversos problemas similares a esse em sistemas de automação, por isso há a utilização do gateway em diversos processos, visto que ele é uma tecnologia empregada na conversão entre protocolos, sendo assim o objeto de estudo desse artigo. A metodologia inicia na configuração do gateway de acordo com os parâmetros da workstation e o manipulador robótico, e posteriormente empregar o uso do monitorador de rede Wireshark a fim de verificar se os dados enviados e recebidos seguem as especificações solicitadas.

The Academic Society

The Academic Society Journal (TASJ)

©2021 por The Academic Society